18/09/2017

ODS 14 | Jerónimo Martins: Sourcing sustentável de pescado

Sourcing sustentável de pescado

Jerónimo Martins

Projecto

Jerónimo Martins assume como responsabilidade conhecer os impactes da sua atividade nos ecossistemas, procurando, através da adoção de políticas, estratégias e processos operacionais, mitigá-los.

Tendo em conta o elevado volume de vendas anuais de pescado, definimos como prioridade a caracterização das espécies de pescado mais vendidas em Portugal e na Polónia. Esta análise do nível de risco para o Grupo identificou aspetos como o grau de exploração dos stocks, as comunidades envolventes, a rastreabilidade, as condições laborais associadas e os impactes sobre os ecossistemas, concluindo-se que nenhuma das espécies comercializadas apresentava risco elevado.

Em 2016, foi avaliado o grau de vulnerabilidade de todas as espécies de pescado comercializadas em Portugal e na Polónia, com base na classificação do International Union for Conservation of Nature and Natural Resources (IUCN) e da Convention on International Trade and Endangered Species of Wild Fauna and Flora (CITES).

Impactes quantitativos e qualitativos

O estudo revelou que menos de 8% das espécies analisadas apresentavam algum nível de risco, tendo o Grupo implementado uma norma de serviço que definiu as regras de atuação neste âmbito:

  • Para as 14 espécies classificadas com o nível “Vulnerável”, o mais baixo, e que representavam, em 2015, 18% do total adquirido (kg), foi adotada uma abordagem seletiva às ações promocionais dessas espécies de pescado sempre que não sejam 100% provenientes de aquacultura e/ou de stocks geridos de forma sustentável e/ou com certificado de sustentabilidade (e.g., Marine Stewardship Council);
  • Por forma a reduzir a pressão sobre as cinco espécies que à data foram classificadas como “Em Perigo” (um nível intermédio de risco) e que representavam menos de 0,8% do total adquirido (kg), foram aplicadas medidas limitadoras:
    • as ações promocionais destas espécies só podem ser realizadas apenas quando as mesmas sejam 100% provenientes de aquacultura,
    • se não houver essa garantia, não há lugar a qualquer tipo de ação promocional que incida sobre estas espécies;
  • Uma espécie, correspondente a menos de 0,0004% do total adquirido (kg), foi classificada como “Criticamente em Perigo”, o nível máximo, tendo a sua comercialização sido descontinuada em junho de 2016. Esta decisão ficou a dever-se ao facto de não ter sido possível assegurar a sua produção, ao longo de todo o ciclo de vida, em regime de aquacultura. Foi ainda decidido interditar a incorporação desta espécie em ração animal utilizada nas nossas atividades de aquacultura e/ou sob a forma de incorporação em refeições prontas refrigeradas, take away e produtos processados, incluindo para animais domésticos, em todas as circunstâncias e geografias para as quais não existam licenças extraordinárias que as permitam.
.fusion-button.button-4 .fusion-button-text, .fusion-button.button-4 i {color:#00bcd4;}.fusion-button.button-4 {border-width:1px;border-color:#00bcd4;}.fusion-button.button-4 .fusion-button-icon-divider{border-color:#00bcd4;}.fusion-button.button-4:hover .fusion-button-text, .fusion-button.button-4:hover i,.fusion-button.button-4:focus .fusion-button-text, .fusion-button.button-4:focus i,.fusion-button.button-4:active .fusion-button-text, .fusion-button.button-4:active{color:#ffffff;}.fusion-button.button-4:hover, .fusion-button.button-4:focus, .fusion-button.button-4:active{border-width:1px;border-color:#ffffff;}.fusion-button.button-4:hover .fusion-button-icon-divider, .fusion-button.button-4:hover .fusion-button-icon-divider, .fusion-button.button-4:active .fusion-button-icon-divider{border-color:#ffffff;}.fusion-button.button-4{width:auto;}Mais informação do projecto
.fusion-button.button-5 .fusion-button-text, .fusion-button.button-5 i {color:#00bcd4;}.fusion-button.button-5 {border-width:1px;border-color:#00bcd4;}.fusion-button.button-5 .fusion-button-icon-divider{border-color:#00bcd4;}.fusion-button.button-5:hover .fusion-button-text, .fusion-button.button-5:hover i,.fusion-button.button-5:focus .fusion-button-text, .fusion-button.button-5:focus i,.fusion-button.button-5:active .fusion-button-text, .fusion-button.button-5:active{color:#ffffff;}.fusion-button.button-5:hover, .fusion-button.button-5:focus, .fusion-button.button-5:active{border-width:1px;border-color:#ffffff;}.fusion-button.button-5:hover .fusion-button-icon-divider, .fusion-button.button-5:hover .fusion-button-icon-divider, .fusion-button.button-5:active .fusion-button-icon-divider{border-color:#ffffff;}.fusion-button.button-5{width:auto;}Relatório de responsabilidade corporativa 2016

O conteúdo ODS 14 | Jerónimo Martins: Sourcing sustentável de pescado aparece primeiro em ODS.

Source: ODS

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Scroll to top
%d bloggers like this: